Fortaleza, Sexta-feira, 25 Setembro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Seminário celebra centenário de Celso Furtado e debate sobre o Brasil - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Segunda, 10 Agosto 2020 17:23

Seminário celebra centenário de Celso Furtado e debate sobre o Brasil

Avalie este item
(1 Voto)
A Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace), da Assembleia Legislativa do Ceará, e o Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), por meio do Observatório de Fortaleza, realizam, nesta quarta e quinta-feira (12 e 13 de agosto), o seminário “100 Anos de Celso Furtado – Que desenvolvimento queremos para o Brasil?”. A transmissão será on-line, ao vivo, nos canais do YouTube da Unipace e do Observatório de Fortaleza.

O evento, conforme define uma de suas curadoras e diretora do Observatório de Fortaleza, Cláudia Leitão, “é uma homenagem ao centenário de Celso Furtado, mas também uma provocação para todos nós que acreditamos e trabalhamos para e pelo Brasil”.

A abertura será às 15h e contará com as participações do presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Sarto (PDT); do superintendente do Iplanfor,  Eudoro Santana; do escritor e presidente do Centro Celso Furtado, Saturnino Braga;  da jornalista, escritora e tradutora Rosa Freire D'Aguiar; do presidente da Adece, Eduardo Neves, e do presidente da  Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace), deputado Salmito (PDT), que atuará como mediador.

Em seguida, das 16h às 18h, será realizado o painel “Sobre a inspiração de Furtado: capitalismo, globalização, desenvolvimento na América Latina e os novos ares no mundo pós-pandemia. Participam os convidados Celso Amorim, ex-ministro das Relações Exteriores e da Defesa; Rubens Ricupero, ex-ministro da Fazenda, e Pedro Cláudio Cunca Bocayuva, professor de Políticas Públicas em Direitos Humanos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). A mediação será de Mônica Martins, coordenadora do Observatório das Nacionalidades.

Ainda na quarta-feira, das 18h às 20h, o mesmo tema será debatido por Tânia Bacelar, economista e professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Roberto Smith, economista e ex--presidente do Banco do Nordeste (BNB), e Maia Júnior, secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Ceará (Sedet), com mediação de Barros Neto, coordenador da Plataforma Ceará 2050.

Na quinta-feira, das 15h às 17h,  debaterão o tema “Sob a inspiração de Furtado: significados da ciência e da cultura para o desenvolvimento brasileiro” os convidados Cláudia Leitão; Jair do Amaral, professor de Economia da Universidade Federal do Ceará (UFC); César Bolaño, jornalista e doutor em Economia pela Universidade de Campinas (Unicamp), com mediação de Adson Pinheiro, doutorando em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF).

E, na mesa de encerramento, a partir das 17h, com o tema “Da fantasia desfeita à esperança de um novo amanhecer: um projeto para o Brasil”, atuam como debatedores Eduardo Moreira, escritor, economista e empresário; o filósofo Renato Janine Ribeiro e o ex-ministro da Cultura Gilberto Gil, com mediação de Edilberto Pontes, vice-presidente do Tribunal de Contas do Estado do Ceará(TCE).

SOBRE CELSO FURTADO

Celso Furtado dedicou a vida a entender o Brasil e a produzir projetos de transformação nacional e resgata, em sua obra, o diálogo das ciências econômicas com as ciências sociais básicas, a filosofia, as tecnologias, as artes e a cultura, num esforço maior de compreender as consequências dos modelos econômicos para os países de economia dependente.

Ele foi fundador da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE) e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com passagens nos ministérios do Planejamento e da Cultura dos governos João Goulart e José Sarney; articulador e gestor nas Relações Internacionais, integrou a Comissão Econômica para a América Latina (CEPAL/ONU).

Indicado ao Prêmio Nobel de Economia em 2013, com uma bibliografia composta por mais de 30 livros, investigou a mecânica do subdesenvolvimento do País.

O seminário "100 Anos de Celso Furtado – Que desenvolvimento queremos para o Brasil?" tem o apoio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Trabalho (Sedet), por meio da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece),  Universidade Federal do Cariri (UFCA), Universidade Estadual do Ceará (Uece) e Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA).

As inscrições podem ser feitas através do link: https://bit.ly/30soVCP

WR/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 398 vezes Última modificação em Quarta, 12 Agosto 2020 16:03

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

As mudanças de hábito promovidas pela pandemia da Covid-19 serão incorporadas pela sociedade?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500