Fortaleza, Sexta-feira, 18 Setembro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Fernando Hugo cobra mais vagas de residência médica em hospitais escolas - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quinta, 05 Dezembro 2019 11:23

Fernando Hugo cobra mais vagas de residência médica em hospitais escolas

Avalie este item
(0 votos)
Deputado Fernando Hugo Deputado Fernando Hugo Foto: Edson Júnior Pio
O deputado Fernando Hugo (PP) cobrou, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (05/12), mais vagas em hospitais escolas para receber médicos em formação.

De acordo com o parlamentar, nos últimos anos muitas faculdades de Medicina foram abertas no Ceará e não há hospitais universitários suficientes para receber esses profissionais em formação. O deputado ressaltou que é indispensável à fase de internato e residência médica para “criar bons profissionais” e que isso pode humanizar a forma de atendimento dos pacientes.

“Hoje em dia, essas várias faculdades que temos, formam milhares de profissionais, os jogam no mercado, sem a devida formação. Não adianta abrir tantas faculdades sem ter hospitais escola suficientes para receber essas pessoas. É preciso criar, principalmente nos novos médicos, o sentimento de cuidado ao próximo, mais amor à profissão”, pontuou.

Fernando Hugo criticou ainda que muitos médicos se formam e não atendem em hospitais públicos, mesmo tento estudado em universidades públicas. Segundo ele, é preciso fortalecer a essência do profissional de Medicina, que é de cuidar com atenção seus pacientes.

“Eu queria que esses profissionais tivessem uma melhor visão de mundo, que tivessem o interesse em atender no Sistema Único de Saúde (SUS). Temos muitos desses novos médicos que nunca irão olhar na cara de um paciente atendido por esse sistema, mas se formaram em uma faculdade de Medicina pública, paga pelo povo. Isso tem que mudar para melhorar as condições das pessoas que mais precisam: os mais pobres”, salientou.

O deputado reiterou ainda que ser médico vai muito alem da formação acadêmica e que isso tem que ser reforçado nas faculdades. “É preciso se fazer Medicina com amor. Ser médico não se passa apenas pela parte acadêmica e formativa, mas por querer, no mínimo, ter a humanização necessária de dar atenção aos pacientes que precisam desse cuidado”, completou.

A deputada Dra. Silvana (PL), em aparte, observou que há muitas faculdades particulares boas e que é necessário fomentar que os novos médicos atendam com mais cuidado e atenção seus pacientes. “Claro que tememos que com esse aumento de faculdades privadas seja reduzida a qualidade da Medicina, principalmente no serviço público, mas com um bom trabalho, reforço nas residências médicas, isso pode seguir um outro caminho”, disse.

O deputado Lucílvio Girão (PP) sugeriu que testes como o implantado pela Ordem de Advogados do Brasil (OAB) sejam feito na área médica. “Sou até a favor que tenha muitas faculdades de Medicina, mas que seja feito uma prova que mostre que você é capaz de atender os pacientes da forma correta”, observou.
GS/LF

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 428 vezes

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

O Código de Defesa do Consumidor, aprovado há 30 anos, responde às demandas atuais?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500