Fortaleza, Sábado, 26 Setembro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Acordes do Brasil recorda músicas da bossa nova instrumental - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Sexta, 05 Abril 2019 16:28

Acordes do Brasil recorda músicas da bossa nova instrumental

Avalie este item
(0 votos)
O programa Acordes do Brasil, da FM Assembleia (96,7 MHz), deste domingo (05/04) relembra as canções da bossa nova instrumental brasileira. Entre os cantores que estarão no programa está o brasileiro Antônio Carlos Jobim, conhecido mundialmente como Tom Jobim.

O músico nasceu no Rio de Janeiro, em 1927. Era compositor, pianista, arranjador, cantor e violonista. O interesse pela música surgiu por influência de dois tios, um violonista erudito e o outro popular.

Tom aprendeu a tocar violão e gaita quando, com cerca de 14 anos, teve suas primeiras aulas de piano com o compositor alemão Hans Joachim Koellreutter, que, na época, lecionava no Colégio Brasileiro de Almeida, propriedade de sua mãe, dona Nilza Jobim.

Em 1946, Tom Jobim alternou o primeiro ano da faculdade de arquitetura com o trabalho de pianista em boates de Copacabana e Ipanema, no Rio de Janeiro. Acabou abandonando os estudos para dedicar-se apenas à música.

Em 1953, suas primeiras composições gravadas foram "Pensando em Você"  e "Faz Uma Semana", por Ernâni Filho, em 1920, e             Incerteza", parceria com Newton Mendonça, por Mauricy Moura.

Em 1962, Tom Jobim escreveu, junto com Vinicius de Moraes, a canção "Garota de Ipanema", que logo alcançou grande sucesso nos Estados Unidos.

Grandes nomes da música internacional tocaram e cantaram as músicas de Tom Jobim, como Stan Getz, Dizzy Gillespie, Ella Fitzgerald, Count Basie, Oscar Peterson, Sarah Vaughan e Frank Sinatra.

Com a obra de Antônio Carlos Jobim, a música brasileira experimentou uma projeção internacional inédita. Até o movimento da bossa nova, a presença brasileira, ainda que marcada pelas obras de Ary Barroso, Dorival Caymmi, Zequinha de Abreu e Waldir Azevedo, era eventual; com Jobim, contudo, ela se tornou permanente, estrutural e influenciou a produção posterior.

Também são destaque no programa os músicos Tamba Trio, Sérgio Mendes & Bossa Rio, Eumir Deodato, João Donato, Moacir Santos, Roberto Menescal e seu conjunto, Rua 65 Trio, Baden Powell, Walter Wanderley, Wagner Tiso & César Camargo e Mariano.

Com produção de Ronaldo César e apresentado por Sonja Andrade, o Acordes do Brasil vai ao ar aos domingos, às 11h, com reprise nas segundas-feiras, a partir das 23h.

LV/LF

 

 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 748 vezes

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

As mudanças de hábito promovidas pela pandemia da Covid-19 serão incorporadas pela sociedade?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500