Fortaleza, Sexta-feira, 25 Setembro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Deputados comentam pesquisa que atesta apoio ao isolamento social - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Segunda, 06 Abril 2020 19:42

Deputados comentam pesquisa que atesta apoio ao isolamento social Destaque

Avalie este item
(0 votos)
Deputados comentam pesquisa que atesta apoio ao isolamento social foto : José Leomar
O isolamento e o distanciamento social têm sido algumas das recomendações de combate à disseminação do novo coronavírus diante da pandemia enfrentada nos últimos meses. Com os casos no Brasil ultrapassando 12 mil e 550 mortes, as medidas para conter o número de pessoas infectadas ganham ainda mais importância.

Em pesquisa recente do Datafolha, 76% das 1.511 pessoas entrevistadas no Brasil, entre os dias 1 e 3 de abril, defenderam a permanência em casa como forma de contenção do novo coronavírus, mesmo com os prejuízos para a economia. Em contraponto, 18% dos entrevistados opinaram que o isolamento social deve acabar. Os deputados estaduais, assim como a maioria dos brasileiros participantes da pesquisa, apoiam o isolamento.

“Sou cem por cento a favor do isolamento social. Como médico e como deputado estadual, sei que a única maneira de conter o avanço do coronavírus é com isolamento”, afirma o deputado Bruno Gonçalves (Patri). Ele comenta que nenhum sistema de saúde do mundo é capaz de suportar uma infecção em massa da população e, por isso, é necessário o isolamento, de forma que as pessoas com casos mais graves possam ser atendidas como precisam.

O parlamentar comenta ainda a importância também das ações de apoio aos trabalhadores autônomos e microempresas, que estão sendo tomadas para que, além de salvar vidas, seja possível proteger a economia. 

A deputada Patrícia Aguiar (PSD) destaca que o isolamento social é uma sugestão da Organização Mundial da Saúde (OMS) com especialistas, estudos e projeções sobre o impacto da pandemia na vida das pessoas e uma medida necessária para conter o estrangulamento do sistema de saúde e preservar vidas.

Já o deputado Guilherme Landim (PDT), que também é médico, ressalta que o isolamento é, até agora, “a forma mais recomendada pelas autoridades mundiais em saúde para conter os inúmeros prejuízos à vida causados por esse vírus”. Ele comenta que muitas pessoas ainda insistem em contrariar as recomendações por acharem que o problema é algo distante, mesmo com as atualizações diárias sobre o assunto. “É preciso confiar na ciência e colaborar para minimizar os danos dessa pandemia tão agressiva”, afirma.

Para a deputada Aderlânia Noronha (SD), o isolamento social que vem sendo adotado no Brasil e em outros países é decisivo para conter o avanço do coronavírus. Ela ressalta ainda que há a previsão de que o pico de transmissão ocorra nos próximos dez dias, o que representa mais um forte motivo para manter o isolamento. 

Em concordância com a maioria das pessoas ouvidas pelo Datafolha, o deputado Elmano Freitas (PT) reitera que a OMS, especialistas, médicos epidemiologistas e infectologistas apontam o isolamento social como medida preventiva eficaz. “Somente assim teremos como frear a velocidade da contaminação do vírus, consequentemente o colapso de todo o sistema de saúde”, aponta.

SA/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 501 vezes Última modificação em Segunda, 06 Abril 2020 20:47

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

As mudanças de hábito promovidas pela pandemia da Covid-19 serão incorporadas pela sociedade?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500