Fortaleza, Terça-feira, 12 Dezembro 2017

Pesquisar

Processo virtual


Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Login

Heitor Férrer critica ausência de materiais nos hospitais - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Terça, 14 Novembro 2017 12:59

Heitor Férrer critica ausência de materiais nos hospitais

Avalie este item
(0 votos)
Deputado Heitor Férrer Deputado Heitor Férrer Foto: Máximo Moura
O deputado Heitor Férrer (PSB) afirmou, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta terça-feira (14/11), que a falta de materiais vem afetando procedimentos em hospitais públicos do Ceará.

“É inaceitável que nos meses de outubro, novembro e dezembro haja esse desabastecimento de material básico de nossos hospitais, condenando à morte as pessoas”, protestou. Para ele, é preciso que o Estado se planeje melhor, para que não seja decretada uma "pena de morte oficial" no Estado. 

O parlamentar informou que, no último fim de semana, recebeu várias informações de médicos e entidades médicas denunciando “outro tipo de violência, que é a omissão do Estado na assistência médica ao povo do Ceará”.

Heitor leu alguns relatos, como o de cardiologistas denunciando o caso do Hospital de Messejana - referência em cardiologia no Ceará e no Nordeste -, que estaria há dois dias sem oferecer os serviços de hemodinâmica e trombolítico.“O Hospital de Messejana funcionar sem hemodinâmica e trombolítico é uma tragédia. Os médicos não têm o que fazer e assistem aos pacientes morrerem de infarto. Isso é muito grave”, lamentou, lembrando que as doenças cardiovasculares são as que mais matam.

O parlamentar também leu nota de diretores de hospitais se queixando da falta de insumos e remédios. O documento, segundo ele, foi enviado à Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) e ao Conselho Regional de Medicina (Cremec) nesta semana.“Os próprios diretores, que têm lá seus cargos indicados pelo próprio governante, não estão suportando mais e vão à imprensa afirmar que as unidades hospitalares passam por um colapso e a população está abandonada à própria sorte”, relatou.

Em outra nota, da Associação dos Médicos do Hospital Geral do Ceará (HGF), era decretada a falência da assistência médica da instituição. Segundo ele, além de conviver com os mesmos problemas de superlotação na emergência e UTI Neonatal, bem como com as crescentes filas cirúrgicas, a unidade está sem abastecimento de insumos, o que tem levado ao cancelamento da assistência aos pacientes em diversas especialidades. “É a decretação de pena de morte oficial pelo Governo do Ceará”, reiterou.

Heitor Férrer defendeu ainda a necessidade de investigar o Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH), responsável pela administração dos hospitais no Estado. Segundo ele, os recursos repassados ao instituto vêm se “robustecendo”, chegando ao limite de R$ 561 milhões pelo Governo do Estado, “para administrar o caos na saúde do Estado.”

Para ele, os problemas na saúde se devem ao mau gerenciamento dos recursos por parte do instituto e da Secretaria de Saúde.

Ainda conforme o deputado, a arrecadação estadual subiu 6,4%, o que poderia, na opinião dele, sanar a problemática enfrentada na área. “Se a arrecadação está subindo, não era para estar faltando dinheiro para as nossas unidades hospitalares”, disse.

A deputada Dra. Silvana (PMDB) afirmou que se sente "inquieta" ao se deparar com o testemunho de uma chefe de equipe do HGF relatando que pacientes ficam sem prescrição médica por quatro dias por falta de profissionais médicos. A parlamentar pediu providências por parte da Secretaria da Saúde. “Isso é uma calamidade”, avaliou.

LS/PN

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 103 vezes Última modificação em Terça, 14 Novembro 2017 14:30

Recadastramento

Portal do Servidor

Comitê / Frente

Enquete

Como você pretende utilizar o 13º salário?


 

  29ª Legislatura - Assembléia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500