Fortaleza, Segunda-feira, 22 Julho 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quinta, 28 Março 2019 11:49

Acrísio Sena critica condução do Ministério da Educação

Avalie este item
(0 votos)
Deputado Acrísio Sena Deputado Acrísio Sena Foto: Edson Júnior Pio
O deputado Acrísio Sena (PT) criticou, no primeiro expediente da sessão plenária desta quinta-feira (28/03), a condução do Ministério da Educação (MEC) pelo ministro Ricardo Velez.

Para o parlamentar, a educação nacional passa por uma política de desmonte nos primeiros 100 dias de governo Bolsonaro. “Faltam rumo, propostas, projetos e metas. Ontem a deputada federal Tábata Amaral (PDT-SP), questionou ao ministro quais os projetos e metas para melhorar a qualidade da nossa educação e não obteve nenhuma resposta”, indignou-se.

Acrísio acrescentou ainda que, quando o Governo Federal anunciou que revisaria alguns tópicos da política de educação nacional, não apontou a forma como o processo aconteceria. “Anunciaram que seriam reavaliados os projetos das universidades federais, programas de bolsas, a grade curricular do ensino médio, porém, até agora só assistimos a demissões e desmonte de equipes”, avaliou.

Na visão do deputado, a falta de rumos e o desentendimento no alto escalão do MEC impactarão negativamente na educação do País. “Enquanto eles não se resolvem, o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) tem data de expiração para 2020. Algo que poderia virar política de Estado e que assegura a autonomia da educação pública dos estados e municípios pode acabar por falta de planejamento e corte de recursos”, lamentou.

Acrísio Sena aproveitou ainda para parabenizar o presidente da Casa, deputado José Sarto (PDT) pela iniciativa de articulação com as Assembleias Legislativas do Nordeste em defesa da região. “Temos um papel estratégico na economia e no desenvolvimento do Brasil e precisamos lutar por vários indutores da região, como a transposição do Rio São Francisco, o Banco do Nordeste Brasileiro, o Dnocs e a Sudene”, salientou.

Em aparte, o deputado Romeu Aldigueri (PDT) concordou com Acrísio ao reclamar que já se passaram 100 dias de Governo e nenhum setor brasileiro apresentou avanço. “Estamos esperando que o mesmo saia do ponto morto e passe a primeira marcha. Não só no MEC, não há avanço em setor algum. É uma paralisia financeira e de gestão”, lamentou.

Para o deputado Walter Cavalcante (MDB) é importante enaltecer a união dos parlamentos nordestinos para manter órgãos de fomento vivos. “Seremos recebidos segunda-feira (28/03) pelo presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Pernambuco, deputado Eriberto Medeiros, e vamos nos articular em defesa do Dnocs”, informou.
LA/LF
 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 204 vezes

Portal do Servidor

Enquete

Onde você passará o período de férias?

Acrísio Sena critica condução do Ministério da Educação - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500