Fortaleza, Segunda-feira, 18 Novembro 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quarta, 11 Setembro 2019 11:56

Marcos Sobreira critica redução de verba para o programa Minha Casa Minha Vida

Avalie este item
(0 votos)
Deputado Marcos Sobreira Deputado Marcos Sobreira Foto: Máximo Moura
O deputado Marcos Sobreira (PDT) se mostrou preocupado, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (11/09), com a possível redução em investimentos no programa Minha Casa Minha Vida, sinalizado pelo Governo Federal.

O parlamentar destacou que o programa, desde sua criação, em 2009, construiu mais de 5 milhões de residências, investiu cerca de R$ 110 bilhões e empregou mais de 3 milhões de trabalhadores. Segundo ele, o Minha Casa Minha vida proporcionou uma residência adequada a pessoas que viviam em áreas de riscos e situações precárias no País. “Esse projeto reduziu a desigualdade, gerou empregos e desenvolvimento. Para cada apartamento feito, cerca de quatro empregos foram gerados”, pontuou.

Marcos Sobreira informou que, em reunião com a Associação de Construtores da Região Centro-Sul do Ceará, soube da redução em 41% nos investimentos no programa residencial, sinalizado pelo Governo Federal. “Desde o início do Minha Casa Minha Vida, nunca houve uma redução tão significativa em uma área com tamanha demanda como a de moradias. A previsão para 2020 é de apenas R$ 2,7 bilhões. Antes era de R$ 4,6 bilhões”, alertou.

O deputado destacou que o municípios de Iguatu registrou um crescimento significativo, com geração de mais de 5 mil empregos, diretos e indiretos, na região Centro-Sul, ficando à frente de cidades maiores, como Juazeiro do Norte. “Foram investidos na região mais de R$ 65 milhões. Esse aporte não pode ser perdido, não pode ser reduzido. Isso gera também o desenvolvimento de toda a região”, afirmou.

O parlamentar ressaltou que o repasse de verbas de subsídios para as construtoras está atrasado e tem dificultado, inclusive, o pagamento de funcionários. “As associações da construção civil de todo o País estão desde ontem em Brasília para conversar com representantes do Governo Federal e parlamentares para buscar uma alternativa que não prejudique as empresas responsáveis pelas obras. Isso gera desenvolvimento para os pequenos municípios desse País”, disse.

“Esse projeto tinha como objetivo a criação de mais moradias dignas, mas passou a representar geração de empregos, renda e desenvolvimento para muitos os municípios. Espero que o Governo Federal reveja esse corte no orçamento o mais breve possível”, acrescentou.

O deputado Nizo Costa (PSB), em aparte, lembrou que esteve com o deputado Marcos Sobreira para tratar do assunto e buscar intermediar com parlamentares em Brasília uma saída que não prejudique as construtoras e municípios. “Vamos continuar acompanhando essa situação, com o objetivo de auxiliar na negociação entre os construtores e a União”, ressaltou.
GS/LF

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 127 vezes

Portal do Servidor

Eventos Novembro

Enquete

Senado Federal analisa mudanças na pena de condenadas grávidas ou mães com filhos até seis anos. Você concorda?

Sim. A chance de punições alternativas permite um ambiente mais saudável e a garantia do bem-estar das crianças - 61.4%
Não. A medida pode funcionar como subterfúgio para abrandamento da legislação e não para desestimular a prática de crimes - 29.8%
Não tenho opinião formada - 8.8%
A votação para esta enquete foi encerrada em: %18 %b %2019 - %10:%Nov
Marcos Sobreira critica redução de verba para o programa Minha Casa Minha Vida - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500