Fortaleza, Quarta-feira, 30 Setembro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Dra. Silvana se manifesta contrária  ao voto em lista fechada - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Terça, 28 Março 2017 15:31

Dra. Silvana se manifesta contrária ao voto em lista fechada

Avalie este item
(1 Voto)
Dep. Dra. Silvana (PMDB) Dep. Dra. Silvana (PMDB) Foto: Júnior Pio
A deputada Dra. Silvana (PMDB) afirmou nesta terça-feira (28/03), durante o tempo de liderança da sessão plenária, ser contrária ao voto em lista fechada para a eleição de deputados e vereadores. O assunto é um dos pontos previstos no projeto de reforma política, que, para valer nas eleições do próximo ano, deve ser sancionado até outubro.

“Entendo ser um ataque à democracia. No momento delicado em que vive o País, não podemos permitir que seja tirado da população o direito de escolher seus candidatos”, avaliou.

A parlamentar falou pelo Bloco PMDB/PSD/PMB e disse que, antes de se manifestar oficialmente em relação ao assunto, estudou e buscou informações junto a sua assessoria jurídica. “Fico alarmada com a forma como estão conduzindo a reforma política e apontando a lista fechada como sendo a solução para a crise vergonhosa que enfrentamos nesse País”, observou. 

Dra. Silvana disse que, mesmo sendo favorecida com uma possível aprovação da lista fechada, tendo em vista ter sido a terceira mais votada do partido, a proposta não seria o melhor caminho para o Brasil. “Para mim seria bom, mas o bom é o que seria bom para o meu País. Quero ser reavaliada nas urnas”, ressaltou. Para ela, a lista significa a transferência para um partido do desejo do eleitor. “O cidadão precisa se ver no seu parlamentar”, ponderou.

A  parlamentar também disse discordar da Reforma da Previdência, cujo texto não atinge servidores públicos estaduais e municipais. “Essa história de tirar funcionários públicos para acalmar os ânimos, para mim, só comprova que é uma tamanha injustiça, só aumenta a injustiça quando você não poupa exatamente quem é o mais desprotegido, que é o que contribui autonomamente mês a mês”, destacou. Na avaliação da parlamentar, é preciso que se façam auditorias nas empresas, pois muitas são devedoras da Previdência Social.

LS/CG

 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 599 vezes Última modificação em Terça, 28 Março 2017 15:33

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

Você concorda com a criação de novo tributo que compense gastos com programas sociais e a desoneração da folha de pagamento?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500