Imprimir esta página
Quinta, 14 Março 2019 14:27

Delegado Cavalcante defende a regulamentação dos jogos eletrônicos

Avalie este item
(0 votos)
Delegado Cavalcante defende a regulamentação dos jogos eletrônicos foto : Júnior Pio
No tempo de liderança da sessão plenária desta quinta-feira (14/03), o deputado Delegado Cavalcante (PSL) afirmou que um dos motivos que levaram dois jovens a cometerem a chacina em uma escola no município de Suzano (SP), na manhã de quarta-feira (13/03), foi a utilização indiscriminada de jogos eletrônicos.

Segundo o parlamentar, os adolescentes que praticaram o crime teriam sido incentivados pelo jogo eletrônico chamado “Free Fire”. Ele defendeu a regulamentação desses jogos no Brasil. “Esses jogos que ensinam a assaltar, roubar e até matar estão destruindo a mente dos jovens, e não há nenhum controle dos poderes públicos”, afirmou.

De acordo com o deputado, os dois adolescentes pretendiam cometer o crime em três escolas, mas a chacina ocorreu apenas em uma escola, por causa da falta de segurança, já que as outras tinham segurança reforçada. “A gente tem que tomar providência em relação a esses jogos eletrônicos que incentivam a violência e que estão prejudicando os nossos jovens. Muitos estão até abandonando a escola”, declarou.

O deputado informou que vai fazer, junto com a sua assessoria, um estudo para saber como a Assembleia Legislativa pode atuar para combater esses jogos e também, ao lado da bancada federal, encontrar meios para regulamentar a prática desses jogos no Brasil. "Esse é um assunto que merece uma decisão maior por esta Casa e pelo Congresso Nacional. Do que jeito que a coisa está é que não pode ficar”, ressaltou.

WR/CG

 

 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 225 vezes

Mais recentes de Fotografia

Itens relacionados (por tag)