Fortaleza, Sexta-feira, 18 Outubro 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quinta, 21 Março 2019 16:37

Dra. Silvana comenta encontro com a ministra Damares Alves

Avalie este item
(1 Voto)
Dra. Silvana comenta encontro com a ministra Damares Alves foto : Júnior Pio
A deputada Dra. Silvana (PR), no tempo de liderança da sessão plenária desta quinta-feira (21/03), comentou sobre audiência de que participou em  Brasília, nesta quarta-feira (20/03), com a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves.

A parlamentar afirmou que pediu o apoio para a Campanha contra o Abuso Sexual Infantil, que pretende lançar no Ceará. “Muitas crianças são abusadas, sofrem e silenciam, porque, em 90% dos casos, o abusador é uma pessoa muito próxima da criança” afirmou.

Ela disse que "viu brilho nos olhos da ministra". E informou que Damares Alves declarou apoio à causa dela e do marido, o deputado federal Jaziel Pereira (PR-CE)."De todas as ações direcionadas à defesa das crianças eu e o Jaziel vamos participar”, informou.

Dra. Silvana lembrou que, na legislatura passada, acusou um abusador de criança que foi preso, "mas nada foi feito para transformar a realidade dura daquela criança, que teve a infância roubada", lamentou.

O objetivo da campanha é buscar uma nova consciência e permitir que a criança seja criança, que a menina brinque de boneca, que os meninos brinquem de carrinho, pontuou.

A deputada também anunciou que estará à frente da campanha Ceará sem Suicídio, a ser lançada e capitaneada pela ministra Damares Alves. A ideia é promover debates polêmicos, como o que trata do Setembro Amarelo. “Por que as pessoas se matam mais em setembro, quando esse é o mês de combate ao suicídio”?  indagou.

Dra. Silvana adiantou que vai tratar do assunto na Comissão de Seguridade Social e Saúde da Assembleia, da qual é presidente, para tentar saber por que as pessoas se matam mais no mês de setembro. “Precisamos entrar nesse debate. Na minha família por parte de pai teve vários casos de suicídio”, revelou.

Para ela, o suicídio é uma dor que as famílias jamais vão esquecer. Por conta disso, é importante debater o tema com especialistas, como o Dr. Cleto Pontes, sugeriu. "E  queremos também descobrir por que as casas legislativas se calam diante do suicídio infantil. Por que será que todos fazem que não estão vendo ?", questionou.

A parlamentar disse que existem jogos na internet ensinando coisas que não acrescentam nada e, que por conta da liberdade na rede, não se pode intervir. "Mas até onde nós podemos permitir que uma criança tenha livre acesso a esses jogos? Quero trazer esse debate para a Casa do Povo. A internet  tem uma grande influência no suicídio infantil”, declarou.

Sobre a reforma da Previdência, Dra. Silvana ressaltou que deseja que seja votada se realmente for boa para o Ceará e para o povo brasileiro. E citou o exemplo da votação da Previdência do Estado na Assembleia Legislativa, discutida e aprovada sem polêmicas. “Quero que o Jaziel vote a reforma da Previdência, mas precisamos estar convencidos de que seja boa para cada um de nós. Ninguém luta contra órfãos, viúvas e necessitadas, já dizia a minha mãe”, pontuou.

WR/CG

 

 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 198 vezes

Portal do Servidor

Eventos Outubro

Enquete

Câmara dos Deputados pode votar esta semana projeto que amplia permissão para porte de armas. Você é a favor?

Dra. Silvana comenta encontro com a ministra Damares Alves - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500