Fortaleza, Terça-feira, 17 Outubro 2017

Pesquisar

Processo virtual


Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Sexta, 19 Maio 2017 16:27

Acordes do Brasil destaca cinco grandes instrumentistas brasileiros Destaque

Avalie este item
(0 votos)
O programa Acordes do Brasil, da FM Assembleia (96,7MHz), neste domingo (21/05), apresenta o trabalho de cinco artistas considerados uns dos maiores instrumentistas do País, o cearense Nonato Luiz, além de Vitor Lopes, Rafael Rabello, Dino Sete Cordas e Henrique Annes.

Nonato Luiz começou a história artística aos quatro anos. Em 1975, já compositor, ganhou o 1° prêmio do concurso para violonistas da extinta TV Tupi, em São Paulo. É um dos instrumentistas brasileiros mais respeitados no circuito europeu e já teve músicas gravadas por violonistas de todo o mundo.

De São Paulo, o gaitista Vitor Lopes faz parte do grupo Um Trio Vira Lata, com o qual tem dois CDs gravados e nove turnês pela Europa. O artista descobriu no chorinho a maior paixão e ganhou, em 2009, o prêmio de melhor instrumentista pela Associação Paulista de Críticos de Artes.

Rafael Rabello nasceu em 1962, em Petrópolis, interior do Rio de Janeiro, e morreu ainda jovem, em 1995. Apesar do pouco tempo em que esteve por aqui, deixou uma marca como artista e ainda é considerado um dos grandes violonistas do País. Também compositor, Rafael é ligado ao choro e à música popular brasileira e tem participações em concertos e gravações com músicos famosos, tais como Tom Jobim, Ney Matogrosso, Zé Ramalho, Jacques Morelenbaum, Paulo Moura e João Bosco.

Com nome de batismo Horondino José da Silva, Dino Sete Cordas fez parte do conjunto Época de Ouro. O apelido surgiu em 1954, quando ele mandou fazer o seu primeiro violão de sete cordas, tornando-se um dos pioneiros do gênero no Brasil. O violonista morreu em 2006. Chegou a tocar no rádio com Orlando Silva e Carmem Miranda e produziu discos de Elis Regina, Clara Nunes, Noel Rosa e Pixinguinha.

De Recife, Henrique Annes tem mais de 50 anos de carreira. Criou a disciplina de Violão Erudito no Conservatório Pernambucano de Música, foi integrante de diversas orquestras, como a Sinfônica de Recife e outras voltadas exclusivamente para a música nordestina, como a Orquestra Armorial de Câmara de Pernambuco e a Orquestra de Cordas Dedilhadas de Pernambuco.

Produzido por Ronaldo César, o Acordes do Brasil tem apresentação de Sonja Andrade. O programa vai ao ar aos domingos, às 11h, com reprise nas segundas, às 23h.

CF/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 122 vezes Última modificação em Sexta, 19 Maio 2017 17:13

Recadastramento

Portal do Servidor

Comitê / Frente

Enquete

Vale a pena manter o horário de verão no Brasil?


 

  29ª Legislatura - Assembléia Legislativa do Ceará                                                                                    Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500