Fortaleza, Segunda-feira, 14 Outubro 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quarta, 19 Junho 2019 18:17

Conselho de Ética recebe denúncia do PSDB contra deputado André Fernandes

Avalie este item
(2 votos)
O Conselho de Ética Parlamentar da Assembleia Legislativa recebeu nesta quarta-feira (19/06) representação protocolada pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), por meio do presidente do diretório estadual, Luiz Pontes, solicitando apuração de possível quebra de decoro parlamentar por parte do deputado André Fernandes (PSL).

O presidente do Conselho de Ética, deputado Antonio Granja (PDT), disse que já encaminhou a representação do PSDB ao ouvidor deputado Romeu Aldigueri (PDT). De acordo com o artigo 22 do Código de Ética e Decoro Parlamentar da Assembleia Legislativa, após receber a representação, o ouvidor terá prazo de cinco dias corridos para notificar André Fernandes, e o parlamentar terá prazo de seis sessões ordinárias para apresentar defesa.   Após esse trâmite, cabe ao ouvidor encaminhar parecer sobre a representação.

Conforme o Regimento Interno da Casa, compete aos parlamentares que compõem o conselho se posicionarem sobre a admissibilidade ou não da representação. Se admitida, é formada uma subcomissão que fará a instrução do processo. Ou seja, ouvir partes, reunir documentos, oficiar órgãos e decidir sobre a punição. Caso não seja admitida, a representação é arquivada.

Granja acrescenta que, até o momento, o PDSB foi o único partido que apresentou representação contra André Fernandes. Porém, segundo ele, integrantes das bancadas de PT e PDT também já se manifestaram sobre intenção de também protocolar ação com mesmo teor.

No documento apresentado pelo PSDB, o partido cita declaração dada pelo deputado André Fernandes, na sessão ordinária ocorrida dia 12 de junho de 2019, " que maculou a honra de todos os parlamentares estaduais e as respectivas bancadas partidárias ao afirmar da existência de envolvimento com facções criminosas, tendo inclusive repercutido o fato em suas redes sociais".

O partido considera ainda que as implicações das graves denúncias não podem cair no esquecimento nem servir de estímulo a ataques futuros. “Não podemos silenciar com as generalizações porque isso nos coloca, infelizmente, no patamar mais baixo da política suja e inconsequente. Não é o que os cearenses esperam de seus representantes”, ressalta Luiz Pontes.

Entre as sanções previstas no Código de Ética, constam a perda do mandato, medidas disciplinares, como censura verbal ou escrita ou mesmo a suspensão temporária do exercício do mandato por quebra de decoro parlamentar.

Além do presidente e do ouvidor, são titulares do Conselho de Ética os deputados Walter Cavalcante (MDB), Sérgio Aguiar (PDT), Augusta Brito (PCdoB), Acrísio Sena (PT), Guilherme Landim (PDT) e Fernanda Pessoa (PSDB). 

WR/CG

 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 328 vezes Última modificação em Segunda, 24 Junho 2019 18:52

Portal do Servidor

Eventos Outubro

Enquete

Câmara dos Deputados pode votar esta semana projeto que amplia permissão para porte de armas. Você é a favor?

Conselho de Ética recebe denúncia do PSDB contra deputado André Fernandes - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500