Fortaleza, Quinta-feira, 29 Outubro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Autoridades enaltecem em solenidade lutas e conquistas das mulheres - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Terça, 10 Março 2020 15:36

Autoridades enaltecem em solenidade lutas e conquistas das mulheres

Avalie este item
(0 votos)
Autoridades enaltecem em solenidade lutas e conquistas das mulheres foto : Júnior Pio
O segundo expediente da sessão plenária desta terça-feira (10/03) da Assembleia Legislativa foi dedicado a homenagear as mulheres pela passagem do Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março. O presidente da Casa, deputado José Sarto (PDT), externou sua admiração pelas mulheres. Para ele, “o maravilhoso universo feminino” o torna simpatizante da competência e da capacidade de resiliência delas. “A mulher consegue fazer várias coisas ao mesmo tempo, e a palavra que tenho é admiração, por tudo o que elas representam para o mundo”, assinalou.

A solenidade foi proposta pela deputada Fernanda Pessoa (PSDB)  e subscrita por Augusta Brito (PCdoB), Érika Amorim (PSD), Aderlânia Noronha (SD), Patrícia Aguiar (PSD), Dra. Silvana (PL) e Nelinho (PSDB).

Segundo Fernanda Pessoa, a mulher tem a peculiaridade de se doar. “O primeiro ato de doação é quando ela se torna mãe”, salientou. Ela ressaltou que a celebração é merecida para exaltar as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres ao longo dos anos.

A deputada Augusta Brito destacou que a data é sempre um momento de refletir sobre as lutas e conquistas das mulheres. “Foram tantas lutas e tantos direitos que as mulheres conseguiram, mesmo diante de retrocessos que acontecem”, avaliou.

A deputada Patrícia Aguiar pontuou que as mulheres sempre lutaram por seus direitos e hoje são precursoras das batalhas femininas por direitos na sociedade.

“Temos que nos unir, pois nossos direitos são causas comuns a todas nós, desde nossas antecessoras”, pontuou a parlamentar.

Ela parabenizou ainda mulheres presentes no plenário pelos trabalhos desenvolvidos em prol da causa feminina, como a Dra. Fanca Leitão de Andrade, Dra. Ana Lúcia Gondim e Maria Dolores Feitosa, homenageadas durante a sessão.  

A deputada Aderlânia Noronha parabenizou todas as mulheres, em especial as que desempenham funções que não são comumente feitas pelo segmento feminino.

Ela comentou ainda sobre a experiência de ser mulher no Parlamento. “Não é fácil entrar nesse ambiente em que, infelizmente, ainda temos tão pouco espaço. Mas nós podemos e faremos mais, pois somos todas capazes de desempenhar qualquer função que seja”, afirmou.

A deputada Érika Amorim salientou que o momento é importante para refletir os avanços obtidos ao longo do tempo. A parlamentar informou que apresentou projeto na Assembleia Legislativa que iguala a remuneração entre homens e mulheres contratadas por empresas que prestam serviços para o Governo do Estado. Ela justificou que mulheres com o mesmo grau de escolaridade e a mesma carga horária recebem salários menores que homens. 

A deputada frisou também que os homens não são inimigos das mulheres, mas companheiros. “Parabéns para os homens que incentivam e reconhecem as mulheres”, destacou.

O deputado Nelinho (PSDB) revelou que se orgulha em presenciar a ascensão das mulheres em muitos setores da sociedade. O parlamentar informou que a Constituição Estadual, no artigo 185, assegura que os municípios cearenses com mais de 60 mil habitantes instalem delegacias da mulher. Ele disse que, no Ceará, 10 cidades contam com a estrutura, todavia, segundo ele, é necessário “avançar cada vez mais”. Nelinho se colocou ainda à disposição da Assembleia Legislativa para contribuir para a formatação de leis tendo em vista o fortalecimento da mulher.

Foram homenageadas com placas comemorativas  21 mulheres que atuam em diversas áreas. Usaram a palavra em nome das homenageadas a  primeira anestesiologista do Estado e fundadora do Hospital Leiria de Andrade, Francisca Leitão de Andrade, (doutora Fanca); a ambientalista Maria Dolores de Andrade Feitosa; a porteira Iara Maria de Andrade e  a motorista de aplicativo Luíza Mariano da Silva.

Na ocasião, houve apresentação do coral de vozes Leiria de Andrade, interpretando as músicas “Mulher Brasileira”, de Benito de Paula, e “Maria Maria”, de Milton Nascimento.

RG/LV/CG

 

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 593 vezes Última modificação em Terça, 10 Março 2020 15:40

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

Está em vigor no Ceará a Lei 17.234/2020, que torna obrigatório o uso de máscara para evitar a disseminação da Covid-19. Que tipo de máscara você usa para se proteger?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500