Fortaleza, Sexta-feira, 15 Janeiro 2021

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Propostas aprovadas na AL beneficiam alunos da rede pública - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quinta, 05 Novembro 2020 09:55

Propostas aprovadas na AL beneficiam alunos da rede pública

Avalie este item
(0 votos)
Propostas aprovadas na AL beneficiam alunos da rede pública Foto: Divulgação \ Portal do Governo
Estudantes da rede pública de ensino do Ceará terão a oportunidade de aprimorar o desempenho escolar caso dois projetos de indicação, de autoria do deputado Fernando Santana (PT), aprovados pela Assembleia Legislativa, sejam acatados pelo Executivo.

O 398/19 propõe a oferta de psicólogo nas escolas de ensino fundamental e médio da rede de ensino do Estado. Segundo Fernando Santana, com o acompanhamento especializado de um profissional, vários problemas de relacionamento entre alunos e professores poderiam ser evitados e superados, além de viabilizar uma atenção especial com que os docentes não saberiam como lidar.

Para o parlamentar, a proposta contribui para uma cultura de paz, propiciando melhorias no desempenho escolar dos alunos e na convivência com os colegas. “O Ceará já é um exemplo no que diz respeito à educação e queremos melhorar isso. Implantar o psicólogo nas escolas vai permitir que o profissional possa trabalhar as famílias, os discentes e docentes, o corpo técnico, a direção, de forma a humanizar mais as escolas e reduzir a evasão escolar no estado do Ceará”, ressalta.

Já o 306/19, aprovado em agosto deste ano, cria o Programa Alimentação Durante as Férias Escolares (Pafe). A proposta, que tem o objetivo de disponibilizar merenda aos alunos no período de férias escolares, tem coautoria dos deputados Augusta Brito (PCdoB), Oriel Nunes (PDT) e Queiroz Filho (PDT).

Conforme Fernando Santana, a matéria sugere que o cardápio da merenda nas férias deve manter similaridade com o oferecido durante o período letivo, para fins de atendimento das necessidades nutricionais básicas diárias do aluno.

“Muitos alunos só dispõem de uma refeição diária, que é justamente a alimentação oferecida pela escola. No período de férias, a falta dessa alimentação gera conflitos e complica a situação familiar dos estudantes. A alimentação no tempo de férias poderá trazer, nesse período, o aluno para dentro da escola, para um período de reforço escolar, de lazer ou esporte, tirando o aluno da vulnerabilidade das ruas”, explica.

O texto prevê ainda que o programa deve contar com sistema de monitoramento e avaliação, a fim de garantir o levantamento da demanda e a sustentação da iniciativa. Para participar, o aluno deverá estar regularmente matriculado em uma escola pública da rede estadual, ter frequência igual ou superior a 85% e estar inscrito no Cadastro Único ou em outro que o substitua.

Por se tratarem de projetos de indicação e, portanto, sugestões, cabe ao Governo do Estado, se acatar, enviar as propostas em forma de mensagem para a apreciação da Assembleia Legislativa.
PE/AT

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 311 vezes Última modificação em Quinta, 05 Novembro 2020 15:58

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

A campanha Janeiro Branco propõe uma reflexão sobre saúde mental. Como você cuida da mente durante a pandemia?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500